Portal de Notícias e entretenimentos do Litoral de São Paulo

Itália confirma terceira morte causada pelo novo coronavírus

0

Governo decretou “toque de recolher” para impedir avanço do surto no país. Já são mais de 150 casos da doença em território italiano.

Mulher é conduzida a ambulância em Casalpusterlengo, no norte da Itália, região afetada pelo coronavírus, no sábado (22) — Foto: Reuters/Flavio Lo Scalzo

Autoridades da Itália confirmaram neste domingo (23) a terceira morte causada pelo novo corononavírus no país. O caso ocorreu em Cremona, na região da Lombardia, a mais afetada pela epidemia.

Segundo a agência de notícias EFE, o conselheiro para o bem-estar social da região da Lombardia, Giulio Gallera, disse em entrevista coletiva que a terceira vítima é uma mulher idosa que ficou hospitalizada por um longo tempo no departamento de oncologia de Cremona e teve resultado positivo para o vírus.

A outras mortes ocorreram em Vo’Euganeo, em Veneto, e em Codogno. Todas as mortes até o momento ocorreram com pessoas idosas. O jornal “La Repubblica” afirma que são mais de 150 casos no país.

O governo da Itália publicou na noite deste sábado (22) um decreto com medidas para conter o avanço do novo coronavírus no país. Os italianos enfrentam dificuldades para localizar o “paciente 0”, ou seja, quem trouxe o novo coronavírus para a Itália.

A legislação de emergência restringe a circulação nas cidades afetadas pelo vírus, proíbe a entrada e saída de pessoas dessas regiões e paralisa atividades comerciais e escolares, uma espécie de “toque de recolher”.

De acordo com a imprensa local, 11 cidades são afetadas pelo decreto, com uma população que envolve mais de 50 mil pessoas. Milão suspendeu as aulas e Veneza cancelou os dois últimos dias do famoso Carnaval da cidade. Os dois municípios ainda não estão nas áreas de risco.

Newsletter G1 Created with Sketch.

As notícias que você não pode perder diretamente no seu e-mail.

Para se inscrever, entre ou crie uma Conta Globo gratuita.

Veja também


Fonte: Ciência e Saúde – G1

Comentários
Carregando...